Jesus foi uma ficção criada pelos romanos, diz teólogo americano

Joseph Atwill, teólogo norte-americano, irá chocar a audiência do seminário Covert Messiah, destinado a estudar a vida de Jesus Cristo. O especialista apresentará um trabalho cuja teoria diz que o Novo Testamento – e consequentemente, a vida de Jesus Cristo – foi uma ficção criada pela aristocracia romana.

Atwill diz ter evidências de que a parte da Bíblia sobre Jesus foi escrita por romanos. “Apresento meu trabalho com cuidado, pois não quero atingir os cristãos. Mas isso é importante para nossa cultura, pois os cidadãos precisam saber porque governos criam falsas histórias e falsos deuses. Isso é feito para criar uma ordem social contrária aos interesses do povo comum”, disse à imprensa.

Segundo Atwill, a criação da história de Jesus teria sido uma estratégia política dos romanos para pacificar os ataques violentos dos judeus que viviam na Palestina da época. Esgotadas as maneiras de conter a rebelião com armas, os romanos criaram o mito de um judeu pacifista.

Encorajar os judeus a ceder a Cesar e pagar impostos a Roma era a ideia por trás do lema de “dar a outra face”. A figura de Jesus sequer é baseada em uma figura histórica. “Notei uma sequência de paralelos entre os dois textos [o Novo Testamento e o manuscrito “A Guerra Judaica”, escrito por Flávio Josefo no séc. I]”, declara Atwill sobre sua descoberta.

Para o historiador, sua descoberta não irá acabar com o Cristianismo, mas pode ajudar aqueles que tenham sido oprimidos pela religião de alguma forma. “Até hoje, por exemplo, [o Cristianismo] é usado nos EUA para criar apoio à guerra no Oriente Médio”, exemplificou o pesquisador. Polêmico, né?

Fonte: https://br.noticias.yahoo.com/blogs/vi-na-internet/jesus-foi-uma-fic%C3%A7%C3%A3o-criada-pelos-romanos-diz-000213589.html

Sobre o autor

cardealnegro

Criador da Igreja de Satã do Brasil, o Cardeal Negro está no topo da hierarquia de nossa igreja.

Deixe uma resposta